🕗 Tempo de leitura: 18 minutos

O mercado imobiliário é muito promissor. Entretanto, o que define se uma imobiliária terá ou não sucesso é a forma como se faz sua gestão.

Apesar de ser necessário levar em consideração fatores externos. O que vai definir se sua imobiliária vai ou não se destacar. Depende mais de você, da sua equipe e do planejamento estratégico adotado. Sobretudo, como você desenvolve a gestão da sua empresa.

E por pensar nesse cenário e entender que muitas vezes há uma dificuldade entre os profissionais do mercado imobiliário para elaborar esse plano, que desenvolvemos esse guia.

No conteúdo vamos abordar pontos estratégicos e profissionais envolvidos na administração e bom funcionamento da imobiliária. Além de falarmos sobre criação de metas, treinamentos e etc.

Continue a leitura e fique por dentro de tudo.

Você pode optar também, por navegar através dos tópicos desse artigo:

1. O que é gestão imobiliária
2. Separando cargos e departamentos dentro da imobiliária
3. Atribuições dos cargos para gestão da imobiliária
4. Montando uma equipe de corretores
5. Gestão: Liderando uma equipe imobiliária
6. Imobiliárias que trabalham com administração de imóveis
7. Criando processos operacionais para gestão imobiliária
8. Como elaborar o planejamento estratégico da imobiliária?
9. Maiores desafios da gestão imobiliária
10. 6 dicas para fazer gestão de uma imobiliária de sucesso
11. Usando a tecnologia a favor da gestão
12. Gerenciando o tempo corretamente

O que é Gestão Imobiliária

o que é gestão imobiliária

Gestão imobiliária é justamente o conjunto de técnicas, táticas e estratégias que são adotas dentro de uma imobiliária. Com o foco em aumentar a carteira de clientes, a carteira de imóveis e desenvolver profissionalmente a equipe.

O resultado de uma boa gestão imobiliária é justamente aumentar a lucratividade da imobiliária sem necessariamente aumentar os custos.

Separando Cargos e Departamentos dentro da Imobiliária

Não há como fazer uma gestão imobiliária se os cargos e departamentos dentro da empresa não estiverem bem definidos e forem de conhecimento geral.

Claro que essa divisão não será idêntica em todas as imobiliárias. Até porque depende muito do tamanho e da demanda (de clientes e trabalho).

Então, vamos incluir aqui todos os departamentos e cargos possíveis e você faz o filtro do que se adéqua melhor para o seu negócio, combinado?

Departamentos:

  • Administrativo e Financeiro (cuida de recebíveis, contratos, contas a pagar e etc)
  • T.I (cuida de redes como internet e telefonia além de auxiliar na implementação de novas tecnologias)
  • Marketing (responsável pelo branding da imobiliária, criação de campanhas, atração de leads, conversão de leads, anúncios de imóveis e etc)
  • Vendas (responsável por realizar a venda dos imóveis disponíveis na carteira da imobiliária)
  • Locações (responsável por realizar a locação dos imóveis disponíveis na carteira da imobiliária)
  • Pós venda (responsável pelo encantamento do cliente, acompanhamento e finalização da venda e indicações)

Vale ressaltar que apesar de ser possível incluir todos esses departamentos dentro da imobiliária, o custo operacional será proporcionalmente mais alto. Portanto, a nossa sugestão é que os departamentos de marketing e T.I sejam terceirizados.

Cargos:

Levando em consideração nossa sugestão de terceirização de alguns dos departamentos que citamos anteriormente, a estruturação de colaboradores e cargos que será descriminada abaixo não irá incluir profissionais desses setores.

Mais uma vez, vamos elencar todos os possíveis colaboradores envolvidos em uma empresa imobiliária. E você, faz o filtro do que se encaixa ou não no seu perfil de negócio.

(vamos falar sobre a especificidade de cada um dos cargos em “atribuições dos cargos”)

  • Sócio – Proprietário
  • CEO ou Diretor
  • Gerente geral
  • Auxiliar administrativo
  • Gerente de equipe de vendas
  • Gerente de equipe de locação
  • Corretores de vendas
  • Corretores de locação
  • Captadores para o time de vendas
  • Captadores para o time de locação
  • Analistas de pós venda
  • Atendente ou Assistente imobiliário para cada equipe de corretores

Atribuições dos Cargos para Gestão da Imobiliária

Assim como prometido, vamos falar um pouco sobre as atribuições de cada um dos profissionais envolvidos dentro de uma imobiliária.

Dessa forma, será possível compreender qual a função deve desempenhar cada um dos cargos para que seja realizada uma gestão imobiliária completa e sobretudo coesa.

Atribuições do Proprietário na Gestão da Imobiliária

O proprietário da imobiliária pode ou não ser um corretor de imóveis. Assim, como pode ou não se envolver nos processos internos.

Se no seu caso, você for um proprietário que não está diretamente envolvido no processo da imobiliária, cabe a você cuidar do network.

Isso significa se conectar com o maior número de pessoas qualificadas para seu negócio e criar uma rede de relacionamento confiável e consistente. Que possa por sua vez, te trazer parcerias, indicações, captações e etc.

Além disso, é importante que o proprietário da imobiliária (que não está ativamente dentro da empresa) cuide da exposição macro da imobiliária. Como por exemplo, dar palestras, participar de eventos locais ou nacionais relacionados ao mercado imobiliário.

Por outro lado, se o seu perfil é realmente de “por a mão na massa” nos processos internos da imobiliária. Você pode pular o próximo cargo da nossa lista (diretor). Porque, você vai adotar as mesmas atribuições.

Atribuições do Diretor na Gestão da Imobiliária

O diretor de uma imobiliária é o braço direito do proprietário ou, em muitos dos casos, o próprio proprietário.

Portanto, será o diretor o encarregado pelo funcionamento correto da imobiliária.

Nesse caso, ele precisa compreender como funcionam todas as áreas da imobiliária, de ponta a ponta. Além de criar as metas e objetivos que devem ser percorridos dentro da imobiliária (em um tempo determinado ou a longo prazo).

Além de ser responsável também pela cultura que a imobiliária adota. E garantir que todas “as engrenagens” estão funcionando bem e no ápice de eficiência.

Fica a encargo do diretor da imobiliária também a criação de estratégias para exposição macro da marca. Sobretudo, se esse diretor for o proprietário.

Atribuições do Gerente Geral na Gestão da Imobiliária

Á partir das diretrizes encaminhadas pelo diretor, o gerente geral da imobiliária será o responsável por desenvolver os planos de ação que serão implementados.

Fica a encargo dessa função também monitorar os indicadores de performance da imobiliária como um todo.

Lembrando que, todos os planos desenvolvidos pelo gerente geral devem estar em consonância com a visão de futuro do proprietário (ou diretor, se for o caso) e sobretudo, com as metas e objetivos traçados.

Fora isso, podemos destacar também como atribuições:

  • Ter uma visão macro sobre as equipes “executadoras”
  • Acelerar os processos internos da imobiliária
  • Ter uma visão completa sobre o negócio
  • Buscar inovações que permitam acelerar os processos internos
  • Fazer a gestão de metas e objetivos
  • Minimizar os custos operacionais sempre que possível

Atribuições do Auxiliar Administrativo na Gestão da Imobiliária

O auxiliar administrativo será a pessoa responsável pelo departamento financeiro da imobiliária.

Isso significa que esse profissional precisa ser um ótimo administrador de imóveis. Sobretudo, no caso de imobiliárias que trabalham com administração de locações.

Nesse caso, é função do administrador de imóveis:

  • Manter a organização financeira
  • Trabalhar com uma estrutura que traga eficiência no seu trabalho
  • Prestar orientação financeira ao cliente proprietário
  • Elaborar os contratos de locação
  • Cobrar os aluguéis
  • Preparar ações de despejo
  • Cuidar dos reajustes de aluguéis
  • Repassar para o time comercial de locações as unidades vagas
  • Avaliar cada possível inquilino
  • Cuidar do seguro fiança

No caso de optar por trabalhar com um administrador de imóveis no setor financeiro da imobiliária, lembre-se que ele precisa ser um corretor de imóveis devidamente regulamentado pelo Creci.

Por outro lado, para as imobiliárias que não atuam na locação e administração de bens, o auxiliar administrativo será a pessoa responsável por tratar de questões burocráticas, como por exemplo:

  • Organizar as contas à pagar e à receber
  • Cuidar e organizar as documentações que envolvem as transações imobiliárias

Atribuições do Gerente de Locação de Imóveis

O gerente de locações de imóveis deve planejar e gerenciar todas as rotinas que envolvem a locação.

Assim como, acompanhar as tendências do mercado imobiliário e participar na formulação dos valores de aluguéis.

Cada vez mais imobiliárias que buscam por uma boa gestão optam por fazer a contratação de profissionais para esse cargo.

Isso porque com toda a certeza, um profissional especializado em locações tem a capacidade de propagar seu conhecimento para todo o time comercial da área de locações.

E dessa forma, aumentar o faturamento mensal da imobiliária apenas com uma visão diferenciada de negócio.

Além do que já citamos aqui, faz parte do trabalho do gerente de locação também:

  • Definir politicas de trabalho específicas para área de acordo com o plano adotado pelo diretor e gerente geral
  • Alinhar sua equipe para o atingimento de metas atingíveis
  • Ter total planejamento e controle sobre as atividades realizadas na área
  • Realizar pesquisas de mercado sobre os valores de aluguéis na região e tendências
  • Cuidar da propaganda e promoção dos serviços de locação prestados
  • Ter experiência em captação de imóveis para alugar (para orientar o time de captadores)
  • Entender e saber elaborar um contrato de locação
  • Entender sobre avaliação de imóveis para locação.

Para ver o perfil completo desse profissional, acesse também: O que faz um gerente de locação

Atribuições do Gerente de vendas na Gestão da Imobiliária

As principais atribuições de um gerente de vendas estão relacionadas à capacitação, gestão, treinamentos e alinhamentos de equipe.

Além de garantir que sua equipe execute de maneira certa todas as etapas do processo de vendas e as demais tarefas exigidas pela imobiliária.

Um bom gerente imobiliário deve garantir o crescimento profissional dos seus liderados e auxiliar que os mesmos encontrem a autoconfiança necessárias para alavancar suas vendas.

“Faça com que a equipe de corretores tenha confiança no seu trabalho e goste de trabalhar com seu auxilio. Uma boa forma de fazer isso, é seguir um processo pré determinado de vendas.”

Podemos incluir dentre essas atribuições:

  • Definir o processo de vendas da imobiliária e compartilhar com toda a equipe envolvida
  • Implantar um CRM para a gestão contínua dos atendimentos
  • Acompanhar se não há falhas nas etapas de atendimento
  • Monitorar os resultados e conversões entre etapas do time de vendas no funil de atendimento
  • Estar em concordância com as metas alinhadas pelo diretor ou gerente geral da imobiliária
  • Incentivar o time de corretores à alcançar as metas e objetivos estipulados
  • Prover as ferramentas e treinamentos necessários para esses objetivos
  • Ter total controle emocional
  • Ser um bom ‘closer” (ou fechador)
  • Montar o planejamento estratégico do time de corretores

Para mais, faça a leitura do conteúdo completo: 9 Conceitos básicos para o gerente da imobiliária

Atribuições dos Corretores de Imóveis

Os corretores de imóveis são as engrenagens da imobiliária.

Os cargos que citamos até agora, servem de combustível e orientação para que os corretores possam desempenhar suas funções sem mais nenhuma preocupação. E sobretudo, sem perder o foco no que realmente importa.

Um erro muito comum que encontramos em algumas imobiliárias é deixar a cargo do corretor de imóveis todas as funções administrativas e comerciais. E depois disso, cobrar resultados.

Para fazer uma gestão eficaz da imobiliária, você deve ter percebido que a divisão igualitária de trabalhos e atribuições é fundamental.

Portanto, é de responsabilidade do corretor de imóveis:

  • Manter organizada sua carteira de trabalho
  • Registrar seus atendimentos na plataforma escolhida pela imobiliária
  • Seguir as regras e diretrizes da imobiliária
  • Buscar conhecimento contínuo
  • Seguir o script de atendimento pré determinado pelo seu gerente imediato
  • Intermediar a negociação de imóveis (para venda ou locação)

Atribuições dos Captadores

Nem sempre se encontra imobiliárias que adotam a política de ter captadores exclusivos. Isso porque, muitas vezes é mais fácil e prático deixar a captação do imóvel como atribuição do corretor.

Porém, como falamos anteriormente, quanto mais dividido forem os trabalhos dentro da imobiliária, melhor será a realização deles e a gestão.

Portanto, nossa sugestão é que você tenha na sua imobiliária pelo menos 1 captador para cada equipe (vendas e locação).

Esse captador vai trabalhar exclusivamente fora da imobiliária. Mas, deverá seguir as diretrizes da empresa e a visão de negócio.

Por exemplo:

  • O captador precisa saber quais são os melhores bairros para venda e locação de imóveis para a imobiliária
  • Compreender qual o perfil de imóvel tem tido maior procura
  • Entender qual o perfil de cliente que a imobiliária atende para captar imóveis que agreguem valor

Atribuições dos Atendentes ou Assistentes Imobiliários

É comum que a primeira contratação da imobiliária seja um assistente imobiliário. Isso porque as rotinas e processos demandam muito tempo. E ter alguém por perto, para cuidar disso é realmente uma “mão na roda”.

Então, podemos destacar como as principais funções do assistente imobiliário:

  • Cadastrar os imóveis captados
  • Organizar a carteira de imóveis e clientes
  • Identificar (junto ao gerente se for o caso) novos mercados para captação de imóveis
  • Organizar a agenda de compromissos
  • Imprimir e organizar os contratos de compra e venda e locação (se não houver ainda um departamento administrativo)
  • Atender os telefonemas e agendar horários de retorno de acordo com cada equipe
  • Organizar as chaves dentro da imobiliária e os contratos de exclusividade

Para fazer a contratação de um assistente imobiliário, faça a leitura: 9 Etapas para contratar um assistente.

Montando uma Equipe de Corretores

equipe imobiliária na gestão

Certamente, é um grande desafio para qualquer dono de imobiliária ou gerente montar uma equipe de corretores de imóveis.

Isso porque os corretores são autônomos, ou seja, sem nenhum vínculo empregatício com a imobiliária. E muitas vezes, com a sua própria carteira de imóveis e clientes.

Por isso, o primeiro passo para montar uma equipe é estruturar o processo de “contratação” em etapas, pelo menos 5.

São elas:

  • 1) Seleção dos profissionais (o que é necessário para a imobiliária nesse momento)
  • 2) Perfil desejado de profissionais (características e diferenciais entre os profissionais)
  • 3) Definir o motivo (porque os corretores devem trabalhar na sua imobiliária)
  • 4) Ter objetivos claros (metas, forma de trabalho, capacitações e etc)
  • 5) Estruturar a imobiliária para receber novos integrantes (softwares, geração de leads, treinamentos e etc)

Para ver um pouco mais sobre cada um desses 5 passos, veja também: Como montar uma equipe.

Para finalizar o assunto, uma sugestão nossa é que você adquira também corretores mais jovens, ou como são conhecidos, corretores da geração Z.

Isso porque esse grupo representa o futuro do mercado imobiliário e vai te ajudar a expandir o público alvo da empresa. Além de substituir corretores mais antigos (caso os tenha) quando se aposentarem.

Outros bons motivos para procurar corretores com esse perfil para sua imobiliária, são:

  • Eles são mais entusiasmados
  • Tem um ótimo conhecimento técnico
  • São jovens e capazes de compreender a geração do milênio (ótimo perfil de compradores)

Também deixamos algumas dicas para encontrar profissionais com esse perfil:

  • Priorize a flexibilidade e liberdade de trabalho
  • Valorize a estabilidade
  • Engaje-os em uma causa

Portanto, se você gostou da ideia e quer ver mais sobre o assunto, acesse: Como atrair corretores da geração Z.

Gestão: Liderando uma Equipe Imobiliária

Primeiramente, é preciso entender o conceito de liderança. Liderar uma equipe vai além de trazer bons resultados. Nesse caso, é preciso que a pessoa que estiver à frente desse time saiba como extrair o melhor potêncial de cada integrante.

Sobretudo, vale ressaltar que o “material” humano é a principal fonte de receita de uma imobiliária. Ou seja, todos, vão lidar com pessoas, o tempo todo.

Portanto, é imprescindível que o gestor da imobiliária adquira habilidades para motivar, resolver conflitos e inspirar seu time.

Por exemplo, o gestor (seja o gerente ou mesmo o proprietário) deve entender que cada imobiliária tem um estilo próprio de liderança. Assim, é possível utilizar outras como inspiração. Mas, não copiar.

De certo, a liderança implica em planejar, executar e acompanhar a equipe. Por isso, certifique-se que a pessoa que vai executar esse papel entenda esses conceitos e tenha tempo para executá-los.

O perfil mais desejado de profissional para liderar uma equipe é alguém que seja comunicativo, goste de se relacionar com pessoas e seja uma inspiração dentro da imobiliária.

Nem sempre o melhor vendedor, será o melhor líder. Lembre-se disso.

Veja também: As melhores estratégias para liderar uma equipe na imobiliária.

E por fim, para compor esse tópico importante, precisamos falar sobre os treinamentos que precisam e devem ser aplicados para as equipes da imobiliária.

Porque, independente se as condições do mercado estão difíceis ou os números estão crescendo. Os treinamentos podem acelerar o potencial da equipe.

Treinamento para corretores de imóveis

Existem pelo menos 5 áreas distintas em que você pode encontrar treinamentos, online ou presenciais para incentivar seus corretores. Mas, há formas também de aplicar treinamentos dentro da imobiliária com custos bem pequenos.

Por exemplo:

  • Faça os corretores se treinarem através de um programa de treinamento matinal 2 vezes por semana.
  • Confie em profissionais locais para aplicar treinamentos dentro da imobiliária (advogados, contadores, engenheiros e etc)
  • Apresente vídeos online e crie uma discussão saudável entre os corretores acerca de determinado assunto.

E para encerrar, não se esqueça de avaliar os resultados dos treinamentos. Afinal, não há gestão imobiliária sem aferir resultados.

  • Houve impacto direto no número de vendas?
  • Aumentaram os números de clientes captados?
  • Houve aumento no índice de satisfação do cliente?
  • Há um maior número de indicações de clientes?

Quer saber mais sobre o assunto? Leia também: 7 Dicas de treinamentos para corretores de imóveis.

Imobiliárias que Trabalham com Administração de Imóveis

administração de imóveis na gestão imobiliária.

Uma excelente alternativa para imobiliárias que desejam fazer uma gestão mais precisa, sobretudo na parte financeira. E por sua vez, conseguirem estimar melhor seu fluxo de caixa. É trabalhar com a administração de imóveis.

A administração de imóveis, quando feita de forma correta pode trazer a tão esperada estabilidade financeira para o negócio.

Apesar do mercado imobiliário ser cíclico, se você estiver bem estruturado e com uma carteira de locação sólida e rentável. Será capaz de atravessar qualquer dificuldade. Através de uma receita recorrente.

Para ver mais sobre o assunto leia também: Estabilidade Financeira através da administração de imóveis.

Por sua vez, a administração de imóveis é o ato de gerenciar todos os processos que são inerentes à locação de um imóvel.

Ou seja, desde o processo de gerenciamento da carteira de imóveis e distribuição de boletos de pagamentos, até o planejamento estratégico.

Portanto, se você optar que sua imobiliária se torne também uma administradora você pode receber até 10% do valor do aluguel que está agenciando.

E o cenário nesse caso é bem promissor. Porque, estima-se que existam mais de 10 milhões de imóveis alugados. Ou seja, você pode incluir esse vasto mercado na sua gestão. E faturar ainda mais com a sua imobiliária.

Criando Processos Operacionais para Gestão Imobiliária

Não há nenhuma maneira de falar sobre gestão imobiliária sem falar sobre a implantação de processos.

Os processos operacionais são as ações e os passos que devem ser percorridos dentro da imobiliária para garantir a satisfação do cliente.

O principal objetivo de se instaurar processos é tornar os procedimentos internos claros, objetivos e de acesso a todos os envolvidos.

Por sua vez, os benefícios de adotar processos dentro da imobiliária ficam cada vez mais evidentes:

  • Melhora o atendimento ao cliente
  • Reduz os custos e aumenta a lucratividade
  • Otimiza o tempo de trabalho das equipes e gestores

Fazendo o mapeamento dos processos operacionais

Para colocar em prática os processos dentro da imobiliária dessa forma você precisa antes, mapeá-los. Ou seja, identificá-los e deixá-los claros.

Para saber como aplicar cada um deles, veja o conteúdo completo sobre o assunto: O que você precisa saber sobre processos operacionais.

E você pode fazer isso em 5 etapas apenas:

  • Documentação
  • Work Flow
  • Brainstorming
  • PDCA
  • Divulgação

Como Elaborar o Planejamento Estratégico da Imobiliária?

planejamento estratégico na gestão imobiliária

O planejamento estratégico de uma empresa é fundamental para atingir grandes resultados. E dessa forma, diferenciar sua imobiliária dentro do mercado.

Portanto, um bom plano estratégico, deve considerar:

  • Análise do ambiente interno e externo
  • Definição de metas
  • Indicadores de resultados

Além disso, é muito importante que haja uma execução adequada e um controle contínuo dos resultados.

Para conseguir elaborar o planejamento estratégico da imobiliária, sugerimos que você siga os passos a seguir:

1) Determine a missão, visão e valores da imobiliária

Esses 3 itens devem ser conhecidos por todos da imobiliária. Para que o planejamento siga de acordo com tais politicas.

  • Missão: é a razão pela qual a sua imobiliária existe
  • Visão: é onde a a sua imobiliária deseja chegar a longo prazo (em 10 anos por exemplo)
  • Valores: são os princípios inegociáveis

2) Estabeleça as metas e objetivos

Quando se estabelece as metas e os objetivos, você está criando o caminho. Que deve ser percorrido de acordo com o planejamento estratégico da imobiliária, para alcançar a visão.

Metas e objetivos são diferentes. Entenda.

  • Os objetivos são macro – onde realmente se deseja chegar
  • As metas são as conquistas a curto prazo – como irá alcançar o objetivo

3) Analise o ambiente interno

Boa parte do sucesso de criar um planejamento estratégico se dá por conta dos recursos da imobiliária. Como por exemplo:

  • Pessoas motivadas trabalhando com você
  • Processos operacionais claros
  • Produtos de qualidade
  • Instalações adequadas
  • Tecnologia de ponta

Portanto, faça uma lista dos recursos que a sua imobiliária dispõe e que serão necessários para alcançar as metas e posteriormente os objetivos.

E por fim, avalie se eles se encaixam como pontos fortes ou fracos dentro da imobiliária.

4) Monitore o ambiente externo

Para criar um planejamento estratégico não se pode deixar de fora os fatores externos que podem interferir e influenciar as ações contínuas na imobiliária. Esse é o exemplo de:

  • Crises financeiras no mercado imobiliário
  • Surgimento de novas leis
  • Mudanças de hábitos e comportamentos dos compradores de imóveis

Portanto, analise cada um desses aspectos afim de encontrar oportunidades e/ou ameaças que devem ser consideradas no seu planejamento. E assim, podem ou não potencializar seu alcance como marca.

5) Entenda o público alvo da imobiliária

O público alvo são os compradores finais dos seus serviços.

No planejamento estratégico o objetivo é conhecer mais afundo esse grupo. Para que você possa fidelizá-los e levá-los a fazer novas compras com a sua empresa ou indicar outros compradores.

Você pode entender o seu público à partir de 4 aspectos:

  • Geográficos: bairros, cidade, estado, país
  • Demográficos: idade, sexo, raça, classe social
  • Psicográfico: estilo de vida, valores sociais, visão de mundo
  • Comportamental: atitudes, benefícios buscados e etc.

6) Apresente sua empresa

Tão importante quanto se diferenciar no mercado imobiliário é comunicar isso ao mercado.

Portanto, você deve incluir no seu planejamento estratégico ações voltadas para a divulgação e apresentação da sua imobiliária.

7) Escolha a estratégia que será utilizada

A estratégia nesse caso se refere a como os resultados que você busca serão alcançados.

Ter uma boa estratégia definida para esse caminho vai contribuir para criar um diferencial competitivo no mercado.

De acordo com Michael Porter, guro da administração, você pode escolher adotar 3 estratégias diferentes:

  • Diferenciação: busca fazer com que a imobiliária se destaque das demais pela qualidade dos seus imóveis e serviços prestados.
  • Liderança de baixo custo: visa ganhar o mercado através de preços competitivos de acordo com a região.
  • Foco: prefere ganhar um pequeno segmento do mercado, agindo com foco.

8) Crie um plano de ação

O plano de ação é definido através das tarefas que devem ser realizadas, para chegar às metas e objetivos que foram traçados anteriormente.

A melhor forma de montar esse plano de ação é através de uma tabela. Que vai servir como um documento auxiliar para a implantação de cada etapa.

Nesse tabela (baseada em uma ferramenta americana) você deve responder a questões como por exemplo:

  • O que será feito?
  • Porque será feito?
  • Onde será feito?
  • Quando será feito?
  • Por quem será feito?
  • Como será feito?
  • Quanto vai custar?

9) Monitore os resultados

Monitorar os resultados nada mais é do que uma forma de observar se tudo que foi incluído no seu plano estratégico está saindo de acordo com o combinado.

Você pode utilizar cronogramas para avaliar o andamento dos planos que estão sendo colocados em prática. Ou, utilizar KPIs (indicadores chave de desempenho). Como por exemplo:

  • NPS – nível de satisfação dos clientes
  • Índice de absenteísmo
  • Índice de lucratividade
  • ROI – retorno sobre o investimento

10) Avalie os resultados finais

Por fim, à partir do controle total do planejamento estratégico será possível avaliar os resultados. E posteriormente, se necessário, modificar alguma ação.

É importante anotar e arquivar os resultados obtidos. Dessa forma, você garante que possam ser vistos no futuro para subsidiar novas estratégias dentro da imobiliária.

Maiores Desafios da Gestão Imobiliária

Até esse momento pode parecer que a gestão imobiliária é apenas uma forma burocrática de manter a empresa funcionando. Mas, não é só isso.

Somente através de uma boa gestão, sua imobiliária será capaz de se diferenciar no mercado, detectar possíveis ameaças e ampliar suas oportunidades.

Sob esse ponto de vista, destacamos alguns desafios que podem ser encontrados ao longo do caminho, dentro da imobiliária. São eles:

  • Econômico
  • Qualidade das captações
  • Superar a concorrência
  • Desburocratização de processos
  • Relutância à adesão de tecnologia

6 Dicas para Fazer Gestão de uma Imobiliária de Sucesso

Depois de tudo que falamos até aqui, já deu para perceber que abrir uma imobiliária não é apenas se instalar em um escritório, angariar alguns imóveis para a carteira e esperar o clientes aparecerem.

Será preciso empregar muito esforço, dedicação e trabalho para fazer tudo dar certo.

Por isso, em 6 dicas conseguimos reunir um pouco do que significa esse gerenciamento.

Para ver afundo cada uma das dicas a seguir, leia o artigo: Como gerenciar uma imobiliária de sucesso.

  1. Faça o mapeamento da região de atuação
  2. Tenha uma boa gestão da sua carteira
  3. Mantenha a documentação organizada
  4. Faça a gestão financeira
  5. Trabalhe o marketing da e para a imobiliária
  6. Tenha uma boa gestão de pessoas

Então, para que tudo isso dê certo, a organização da imobiliária deve estar no ponto alto do seu plano. Foque nisso! Como organizar uma imobiliária e torná-la mais lucrativa.

Usando a Tecnologia a Favor da Gestão

Certamente, muitos proprietários de imobiliárias, assim como, corretores de imóveis da “velha guarda”. Ainda são muito resistentes quanto a utilização de tecnologia.

Apesar de já compreenderem a importância de atributos tecnológicos nas rotinas de gestão da imobiliária a adaptabilidade ainda é um fator impeditivo.

Porém, se você ainda pensa dessa forma, ou tem gestores na sua empresa que pensam assim. Você precisa mudar o mindset (a forma de pensar) dessas pessoas.

De fato, a tecnologia é fundamental para a gestão e desenvolvimento de processos rápido e eficazes.

Comunicação e mobilidade

Corretores estão sempre se deslocando. E esse é o ideal. Portanto, ter ferramentas que atendam as suas necessidades na palma da sua mão será fundamental para economizar tempo e acelerar processos.

Diminuir a burocracia de trabalho

A parte burocrática da venda de imóveis é realmente massante. Portanto, fazer uso de ferramentas que reduzam a quantidade de papel será fundamental para um trabalho mais ágil.

Agilidade no atendimento

Se for necessário parar tudo que estiver fazendo para voltar folhas e folhas no seu caderno ou agenda para encontrar informações sobre um contato. Você está perdendo dinheiro.

Com toda a certeza, o atendimento ao cliente deve ser rápido e preciso. E somente através da tecnologia você fará isso ser possível.

Integração de áreas distintas da imobiliária

Como será possível fazer a gestão da imobiliária se as informações de todos os setores estão desconectadas e “jogadas” cada uma em um canto?

Então, utilize ferramentas tecnológicas para alinhar os processos e unificar as áreas da imobiliária.

Presença virtual

Provavelmente essa é a única área que não existe relutância. Todo mundo já entendeu nos dias de hoje a importância de ter uma forte presença digital.

Melhora a experiência do cliente

Cliente bem atendido é cliente satisfeito. E um atendimento atualmente só tem chances de ser bem sucedido se concentrar um nível de informações altíssimo e de valor inestimável ao cliente. Dito isto, cliente satisfeito indica outros clientes.

Controle financeiro inteligente

Lá no inicio do artigo nós falamos sobre o departamento administrativo e financeiro. Falamos também sobre a administração de imóveis e etc. Mas, realizar esse trabalho sem o auxilio de plataformas tecnológicas vai se tornar praticamente inviável.

Permite o aferimento de metas e resultados

Se recorda do planejamento estratégico? Um dos pontos finais da estrutura de planejamento é justamente aferir metas e resultados.

E como você pretende fazer isso se as informações da sua gestão estão (mais uma vez) desconectadas?

Aumenta a velocidade da captação de leads

Só temos a dizer duas palavras sob esse ponto de vista: Tecnologia e Marketing. Juntos, eles são o casal perfeito para a geração de leads. Abuse desse poder na sua imobiliária.

Controle eficaz das chaves

Vou te fazer duas perguntas:

  • Como você sabe quais imóveis deixaram a chaves com a sua imobiliária?
  • Como você sabe qual chave corresponde a cada imóvel?

Por isso, o controle das chaves foi um dos muitos pontos influenciados positivamente pelo uso da tecnologia.

E por fim, você deve estar se perguntando: Ok! Mas, como eu faço tudo isso sem gastar muito?

Existem inúmeras plataformas disponíveis no mercado que são capazes de unir todos esses atributos tecnológicos em um só lugar. Esse é o caso dos softwares da Praedium, por exemplo.

Gerenciando o Tempo Corretamente

Corretor de imóveis em um movimento esférico das mãos, com um relógio no centro e papeis voando ao redor. Gerenciamento de tempo no mercado imobiliária faz a diferença.

Para encerrar o conteúdo de hoje, vamos falar brevemente sobre o gerenciamento de tempo de forma correta.

Não é surpresa encontrar empreendedores e muitos corretores de imóveis se questionando sobre “não ter tempo para fazer mais nada“. Depois que ingressaram na profissão.

Um dos grandes motivos iniciais que muitos profissionais optam por ingressar no mercado imobiliário é justamente a ilusão de “ser dono do seu próprio tempo”. Entretanto, há um vácuo nessa afirmação.

Atuar no mercado imobiliário deve ser encarado da mesma forma que atuar em outra profissão e empresa com formato CLT. E, se por sua vez, se você se esquecer disso, vai encontrar frustrações no meio caminho.

Portanto, não deixe de indicar as melhores práticas para sua equipe de corretores, gerentes e assistentes dentro da imobiliária para gerenciar o tempo com qualidade.

Nós já escrevemos um conteúdo com as melhores estratégias a serem adotadas nesse quesito, você pode conferir em: O que você precisa saber sobre o gerenciamento de tempo.

Esperamos que esse conteúdo tenha realmente te ajudado, trazendo uma melhor orientação e caminhos mais assertivos para a gestão da sua imobiliária.

Ficou ainda com alguma dúvida? Deixe ela aqui nos comentários e nós te respondemos.

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Deixe uma Resposta

Works with AZEXO page builder