🕗 Tempo de leitura: 9 minutos

Acompanhar as rotinas imobiliárias, gerir seu próprio orçamento e tempo e fazer fallow up com seus clientes são algumas das tarefas que priorizam no mercado imobiliário.

Então, quando você pensa em se tornar um corretor de imóveis autônomo deve ter em mente primeiramente que, tudo isso e um pouco mais, será unicamente por sua conta.

Mas, não se assuste, uma boa parcela dos corretores de imóveis que atuam no Brasil, fazem isso de maneira individualizada. Ou seja, autônoma.

Então, é possível sim ser um corretor imobiliário autônomo e bem sucedido.

Para saber tudo a respeito da profissão leia também: Corretor de Imóveis de Alta Performance

Por isso, vamos entrar um pouco mais afundo nesse tema. Dessa forma, ficará mais fácil você tomar uma decisão.

Continue a leitura.

Como ser Corretor de Imóveis Autônomo

Antes de mais nada, o primeiro passo para se tornar um corretor de imóveis autônomo é simplesmente, se tornar um corretor um corretor de imóveis.

Para isso você precisa de apenas 4 passos:

  • Entrar e concluir um curso de TTI ou de Ciências Imobiliárias
  • Cumprir as horas de estágio pré determinadas pelo Creci
  • Preencher o formulário do Creci com a solicitação para carteira definitiva de corretor de imóveis
  • Pagar a taxa

Para saber a fundo cada um desses passos, faça a leitura do nosso conteúdo: O Que Precisa para Ser Corretor de Imóveis: 4 Passos Principais

O que Faz um Corretor de Imóveis Autônomo

Corretores autônomos como super heróis nas sombras

Quando se pensa em o que faz um corretor de imóveis autônomo, muitos ainda acreditam que basta intermediar negócios imobiliários e ser comissionado por isso.

De uma maneira ‘chula’ é mais ou menos isso. Porém, um corretor imobiliário autônomo precisa se preocupar com outras etapas que são tão importantes quanto apenas a intermediação. E que por sua vez, sem a realização delas será muito difícil ‘ter o que intermediar’.

Então, vamos a essas etapas:

  1. Captar imóveis
  2. Captar clientes
  3. Divulgar imóveis
  4. Fazer network
  5. Trabalhar seu marketing pessoal
  6. Trabalhar o marketing para imóveis
  7. Realizar visitas aos imóveis
  8. Intermediar a compra e venda (ou locação) entre proprietários e compradores
  9. Nutrir leads
  10. Cuidar de toda a documentação para fechamento da venda
  11. Fazer pós venda
  12. Cuidar das finanças

1. Captar Imóveis

Pode parecer (de fora) um trabalho fácil. Mas, é certamente um dos mais difíceis que um corretor de imóveis executa. Isso porque implica em muitas coisas. Desde tempo, conhecimento da área, poder de persuasão, agilidade, metas e planejamento.

Mas, sem realizar essa etapa de maneira bem feita. Não há trabalho para um corretor de imóveis. Concorda?

Portanto, não vamos nos alongar nesse quesito pois há realmente muito o que se falar nele. Mas, escrevemos um conteúdo que certamente vai te ajudar muito.

Leitura obrigatória: Como ser um Bom Captador de Imóveis

2. Captar Clientes

Outra etapa que com toda a certeza é fundamental. Especialmente para um corretor de imóveis autônomo.

A captação de clientes (ou melhor, leads) pode acontecer de diversas maneiras.

  • Por meio de indicações de outros clientes
  • Através de portais imobiliários
  • Solicitações do site imobiliário
  • Prospecção ativa por parte do corretor
  • Placas de vende-se

E por aí vai. Já deu para entender que existe um gama enorme de maneiras comprovadas e eficazes de captar leads para o seu negócio.

Entre todas elas, de fato, a forma de atração de contatos que pode dar um pouco mais de trabalho é a prospecção. Isso porque, depende de você apenas ir atrás de pessoas que muitas vezes nunca ouviram falar de você e se conectar com elas.

Então, se você nunca fez isso, pode ser um grande desafio quando optar por trabalhar como corretor de imóveis autônomo.

Para te ajudar, indicamos a leitura desse conteúdo complementar: Prospecção Imobiliária Passo a Passo para Realizar Mais Vendas

3. Divulgar Imóveis

A divulgação de imóveis por sua vez, acaba sendo um pouco mais simples.

Com o auxilio da tecnologia, hoje ficou muito mais fácil e rápido anunciar os imóveis que você tem disponível para negociação.

Então, já sabe. Você precisa da tecnologia. Ela é uma forte aliada de um corretor de imóveis autônomo. Através de soluções tecnológicas você vai:

  • Melhorar a qualidade de atendimento ao cliente
  • Trabalhar com informações precisas
  • Agilizar mais de um processo imobiliário
  • Melhorar sua produtividade

Leitura obrigatória: Onde Anunciar Imóveis: Os 8 Melhores Canais de Aquisição de Clientes

4. Fazer Network

Network são conexões. Ou seja, você precisa criar uma rede de conexões que possa te proporcionar tanto parcerias lucrativas como indicações.

Uma das maneiras de ter um bom network (além dos seus clientes satisfeitos) é participar de eventos da sua região. Tanto eventos que são voltados para corretores de imóveis apenas, como eventos que são voltados para a comunidade. Afinal, ambos podem te trazer negócios.

5. Trabalhar seu Marketing Pessoal

Corretor autônomo como um super herói oculto. Se revelando no marketing pessoal

Se as pessoas não souberem que você é um corretor de imóveis autônomo, ou não souberem em quais regiões você atende, o quão qualificado você é e assim por diante. Certamente, não farão negócio com você.

Aquele ditado:

“Quem não é visto não é lembrado”

É a mais pura verdade. Se você não “se mostrar”, ninguém vai lembrar de você quando precisarem de serviços de corretagem.

Uma execelente maneira de fazer isso é através das redes sociais. Portanto, não inclua em suas páginas apenas imóveis que estão disponíveis. Reserve um espaço para falar sobre você, sobre o seu trabalho, suas conquistas do último trimestre e etc.

Pessoas se conectam com pessoas e não com coisas. É sim importante divulgar os imóveis nas redes sociais. Mas, é muito mais importante divulgar a si próprio.

Leitura obrigatória: Como se Apresentar Como Corretor de Imóveis

6. Trabalhar o Marketing Para Imóveis

Outra vez entramos em um assunto delicado e muitas vezes complicado para um corretor de imóveis, principalmente o autônomo. Marketing imobiliário é algo extenso. São ações e análises muito bem pensadas. Seja ele utilizado para divulgar os imóveis ou para atrair leads.

Quando um corretor imobiliário opta por trabalhar em uma imobiliária essa função fica por conta da empresa. Que dependendo do orçamento que ela tiver, muitas vezes contrata um terceiro profissional para focar exclusivamente no marketing.

Mas, a sua opção é trabalhar como autônomo. Então não esperamos que você se dedique para ser um especialista em marketing digital.

Mas, que você vá atrás de conhecimento e orçamento para realizar ações que são imprescindíveis no mercado imobiliário.

7. Realizar Visitas aos Imóveis

Depois de tanto trabalho para captar um imóvel, divulgar ele e atrair um lead interessado, você não pode deixar em segundo plano a visita ao imóvel.

Existem algumas técnicas e diretrizes que você pode seguir. Mas, o que vale ressaltar aqui é o tempo.

Lembre-se você é um corretor de imóveis autônomo. Ou seja, você trabalhar exclusivamente sozinho. E precisa administrar seu tempo, entre todas as suas ações e obrigações.

Leitura complementar: Apresentação de Imóvel para Venda: 6 Dicas Matadoras

8. Intermediar a Compra e Venda (ou locação) Entre Proprietários e Compradores

Nesse caso, nada mais é que o atendimento ao cliente.

Existem inúmeros fatores que podem te ajudar ou te atrapalhar no momento de uma negociação.

São objeções, abordagens, acompanhamos e técnicas que vão fazer a diferença.

Com o passar do tempo, você já deve ter percebido que algumas questões são recorrentes durante um atendimento imobiliário.

Então nossa proposta, para simplificar (por hora) o seu trabalho nesse quesito é que você tenha um bom script de vendas.

Elabore um com base nos seus atendimento passados. Englobe as técnicas que você já sabe ou pesquisou a respeito e pronto.

Não que isso precise ser robótico (nem deve) mas com certeza, quando você estiver com seus leads dentro do funil de vendas imobiliário, ter um script fará seu trabalho correr mais rápido.

Se você nunca montou um script e não sabe por onde começar, nós já fizemos isso e você pode utilizar como base. Veja aqui: Script Pronto Para Venda de Imóveis.

9. Nutrir Leads

A premissa é simples: Nem todo lead que entra em contato é qualificado. Ou seja, está no momento ideal de compra. Mas, isso não significa que ele nunca vai estar pronto para comprar um imóvel.

Pelo ao contrário. Muitas vezes ele precisa apenas de um pouco mais de informação para ele entender que ele pode sim, comprar um imóvel e que suas principais dúvidas serão esclarecidas por um profissional imobiliário qualificado (você).

Então, mesmo que você não adote uma estratégia inteira de marketing de conteúdo. Faz sentido trabalhar pelo menos com a nutrição dos leads que você deu como “perdido” no seu funil de vendas.

Portanto, envie informações relevantes do mercado imobiliário ou e-mails para lembrá-los de que você está ali para ajudar.

10. Cuidar de Toda a Documentação

Corretor autônomo feminino cuidando de vários documentos.

Sim, é chato. Mas, essencial. A documentação precisa estar sempre organizada e de preferência de fácil acesso. Para assim, você não perder tempo.

Ao trabalhar como um corretor de imóveis autônomo você não vai ter um “braço direito” que vai cuidar disso para você (a menos que contrate um assistente imobiliário). Então, toda a responsabilidade, é sua.

Lembre-se:

  • A documentação do imóvel precisa estar correta
  • Documentos do proprietário devem estar preenchidos e digitalizados
  • Prévia e esboços de contratos já arquivados no seu computador (ou no drive)
  • O check-list de documentos necessários dos compradores também tem que estar atualizado e de fácil acesso.

11. Fazer Pós Venda

Se lembra de quando falamos que é fundamental para um corretor de imóveis autônomo fazer network? E que essas conexões podem acontecer muitas vezes através de indicações de ‘antigos’ clientes satisfeitos?

Então, para que você se certifique que seu trabalho seja lembrado, e na verdade BEM lembrado. Você precisa cuidar do seu pós venda.

O cliente que comprou um imóvel, alugou, ou até mesmo o proprietário satisfeito com seu trabalho não devem ser esquecidos. E eles serão fundamentais para aumentar seus negócios a longo prazo.

Seja fazendo um re-compra ou indicando alguém interessado.

Se você ainda não faz ideia do que estamos falando ou sequer pensou em começar a realizar um pós venda, dá uma olhada nesse artigo. Provavelmente, ele vai te convencer: A Importância do Pós Venda no Mercado Imobiliário

12. Cuidar das Finanças

Você é bom com contas, gerenciamento de orçamento, investimentos, fluxo de caixa e etc?

Bom, um corretor imobiliário autônomo precisa ser.

Primeiramente porque fica a seu encargo gerenciar todos os investimentos que estão sendo feitos (em marketing por exemplo), analisar os resultados que são obtidos, avaliar se está sendo lucrativo ou não e etc.

Além disso, você vai ter outras despesas. Por exemplo, combustível, conta de telefone, CRM imobiliário, site, contas de água e luz e etc.

Então, se você não começar hoje a cuidar das suas receitas e despesas e preparar um cronograma para ter sempre um fluxo de caixa você certamente vai se perder no meio do caminho.

Isso porque, lembre-se você vive de comissões. Em um mês você pode receber uma alta quantia porém no outro, pode não receber nada. Então, se organize para os maus momentos.

Vantagens de Ser um Corretor de Imobiliário Autônomo

Espero não ter te assustado até aqui! 😅

Apesar de todo o trabalho, existem sim ótimas vantagens em ser um corretor de imóveis autônomo.

Vamos ver algumas delas:

  • Você define o seu planejamento estratégico
  • Os horários de trabalho são de acordo com as suas necessidades
  • Boa parte do seu trabalho pode ser feito em home office
  • Você escolhe as soluções que fazem mais sentido para você
  • A comissão é só sua
  • Parcerias com outros corretores se tornam mais vantajosas
  • 100% da sua carteira de imóveis é divulgada
  • As indicações vão somente para você
  • Não há roleta de atendimentos
  • Só depende de você a fidelização de um cliente
  • Mais flexibilidade
  • Capacidade de escolher o que priorizar

Principais Características de um Corretor de Imóveis Autônomo

Corretor autônomo - auto gerenciamento. Multi tarefas

Na verdade, a única diferença entre as características de um corretor imobiliário autônomo e um corretor de imobiliária é o AUTO GERENCIAMENTO.

Muitos profissionais (e não somente corretores de imóveis) não conseguem se auto gerenciar. Isso significa que trabalham melhor com metas e diretrizes que são “impostas” por outras pessoas.

São pessoas nesse caso com o perfil mais de execução do que de planejamento estratégico.

Portanto, se você acha que pode se encaixar nesse perfil, não indicamos que você opte por trabalhar como um corretor de imóveis autônomo. Porque isso, certamente, vai te fazer falta.

Por outro lado, se além de ser um bom executor você também é um ótimo planejador. Vá fundo! Invista em uma carreira como corretor imobiliário autônomo porque certamente, ela vai te trazer mais alegrias e autonomia do que trabalhar em uma imobiliária.

Marketing Para Corretores de Imóveis Autônomos

A utilização do marketing para corretores de imóveis autônomos, como falamos anteriormente é tão importante quanto qualquer outra ação.

Mas, você não precisa se desesperar e achar que vai precisar praticar tudo que o marketing imobiliário engloba. Até porque, você não tem “braço” para isso. Quem sabe, assim que se tornar bem sucessido você tenha orçamento para tal.

Por hora, vamos partir do principio que você precisa realizar o minimo necessário e com o menor custo combinado?

Foque então em:

  • Site imobiliário
  • Pelo menos 1 portal imobiliário pago
  • Portais imobiliários gratuitos
  • Redes sociais
  • Esporádicas ações de impulsionamento de publicações nas redes sociais
  • E-mail marketing

Corretor de Imóveis Autônomo Ganha Bem

Um bom corretor de imóveis em geral consegue ganhar bem sim. O corretor de imóveis autônomo se conseguir trabalhar de forma organizada e realizar todas as etapas como citamos anteriormente com toda a certeza vai ganhar muito mais.

Isso porque, entre as principais vantagens de ser um corretor imobiliário autônomo nós listamos o ganho de 100% das comissões, se lembra? Então, isso significa que agora você não precisa mais dividir 70/30 com a imobiliária. E por sua vez, seus ganhos aumentam exponencialmente. Faz sentido?

Por fim, queremos saber a sua opinião. Você já trabalha de forma autônoma? Conte sua experiência e se ainda não, nos conte o que você acha de começar a trabalhar sozinho.

Boa Sorte e Boas Vendas!

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Deixe uma Resposta

Works with AZEXO page builder