🕗 Tempo de leitura: 6 minutos

Você está confiante no seu crescimento como corretor de imóveis e considerar montar sua própria imobiliária? Veja o que você precisa saber antes.

Você acredita que já está pronto para se envolver mais ainda no mercado imobiliário e montar uma imobiliária própria?

Se seus objetivos forem maiores e você desejar administrar um negócio maior, considere iniciar agora sua própria imobiliária.

Para saber como exatamente iniciar sua empresa veja também: Como Abrir uma Imobiliária: O Guia Completo 2020

Levando em conta que muitos profissionais optaram por entrar no ramo imobiliário para ter independência financeira, flexibilidade de horários e ser dono do seu próprio negócio.

1) Por que montar uma imobiliária?

corretor de imóveis pensando em montar uma imobiliária e regando uma planta que cresce em forma de gráfico com seta.

É fato que nenhuma vontade aparece de maneira súbita. Algumas razões são bem óbvias para quem deseja expandir seu negócio e montar uma imobiliária. No, no entanto, listamos as 3 que julgamos como principais.

1. O desejo de aumentar seu potencial de lucro

Ao iniciar sua própria imobiliária, você pode aumentar suas operações, alavancar o tempo e o talento de outros corretores e adicionar fluxos de receita adicionais para aumentar seus resultados.

Todo corretor de imóveis que pensa em montar uma imobiliária tem em mente primeiramente, aumentar a receita. Ou seja, expandir o negócio e assim ganhar mais dinheiro.

2. Insatisfação com o status quo

Se você tiver novas idéias e novas perspectivas sobre a administração de uma imobiliária, com toda a certeza terá mais controle sobre a implementação dessas idéias em seu próprio negócio.

Muitas vezes chega a ser frustante trabalhar em uma imobiliária sem ter a liberdade de expressar ou até mesmo testar conhecimentos novos, estratégias diferentes e scripts mais convincentes.

Nesse caso, o melhor caminho é a abrir sua própria imobiliária e tomar as rédias da situação.

3. Sistemas e processos comprovados para compartilhar

Se você é particularmente bem-sucedido como corretor de imóveis, pode certamente, ter desenvolvido sua própria maneira de fazer coisas. Seja ela a forma de atender o cliente, de mostrar um imóvel ou anunciar sua carteira de imóveis.

Se é o seu caso, nada mais certo do que montar uma imobiliária e propagar o conhecimento adquirido, testado e comprovado a diante.

Coloque dessa forma, suas habilidades e conhecimentos para trabalhar e ajude a contribuir para o futuro da profissão.

2) Para montar uma imobiliária: Franquia ou Independente?

corretor de imóveis pensativo com duas setas  desenhadas atrás da sua cabeça, uma para cada lado. Tema: A dúvida entre montar uma franquia ou imobiliária independente.

Mais da metade de todos os corretores de imóveis do país trabalham para imobiliárias independentes. 

Mas, como é possível saber se uma franquia de grande valor é adequada para você?

Vantagens das franquias imobiliárias:

  • Fornecem orientações
  • Marcas reconhecida no mercado
  • Suporte
    (que podem ser inestimáveis, sobretudo no inicio)
  • Acesso à tecnologia
  • Treinamentos

Em troca desses benefícios, no entanto, eles cobram taxas pesadas de franquia, que por sua vez, podem ser difíceis de lidar até que você estabeleça um fluxo de caixa saudável.

Por outro lado, as imobiliárias independentes:

  • São capazes de tomar suas próprias decisões em relação à localização, marca e operações. 
  • Por isso, como proprietário de uma imobiliária independente, você terá a flexibilidade de administrar seu negócio da maneira que desejar. 

Por outro lado, você também será responsável por desenvolver e financiar suas próprias plataformas de tecnologia, estratégias de treinamento e iniciativas de marketing.

De uma forma ou de outra, não há mal negócio aqui. Apenas argumentos que devem ser ponderados na ponta do lápis antes de decidir qual modelo de negócio pretende seguir para abrir uma imobiliária.

3) Custos para montar uma imobiliária?

a mão de um corretor de imóveis desenhando no quadro uma cabeça com linha laranja e dentro dela diversos cifrões. Indicando os custos para montar uma imobiliária

A criação de uma imobiliária pode resultar em uma ampla gama de custos:

  • À partir de R$ 8 mil aproximadamente para uma média empresa independente
  • Pode chegar até R$ 200 mil ou mais para uma grande franquia, por exemplo a Remax

A seguir, estão alguns dos custos iniciais que você deve encarar como novo proprietário de uma imobiliária:

1. Conseguir ajuda jurídica e financeira para montar uma imobiliária

Será importante consultar um advogado, contador ou planejador financeiro para garantir que sua imobiliária esteja devidamente registrada.

Sobretudo, se você planeja contratar corretores adicionais, precisará de contratos de trabalho, bem como contratos de clientes proprietários.

Do ponto de vista financeiro, convém ter um plano para rastrear receitas e despesas e reservar adequadamente o necessário para as contas fixas. 

Primeiramente, você vai precisar executar um plano de negócios. Para então, conseguir encaixar os números corretamente dentro do seu planejamento. Especialmente se planeja buscar financiamento junto aos investidores ou obter um empréstimo.

Para te ajudar, leia também: Plano de negócios para imobiliária: Aprenda a criá-lo agora!

2. Que tipo de imobiliária você vai montar

Existem 3 opções na forma como a operação de uma imobiliária pode funcionar. Então, antes montar uma imobiliária será preciso primeiramente decidir qual desses formatos aderir:

  • Imobiliária com escritório em prédio comercial
  • Imobiliária com loja na rua
  • Escritório em casa
  • Imobiliária Virtual

Qualquer que seja a sua escolha, você terá algumas despesas operacionais como por exemplo:

  • Móveis (para quem for abrir uma loja física)
  • Aluguel (para quem for abrir uma loja física)
  • Contas fixas como água, luz, internet, telefone e plano de celular (para qualquer uma das opções de operação)
  • Tecnologia (CRM imobiliário, site para imobiliárias, plataformas de marketing e recursos de investimentos online (para qualquer uma das opções de operação)

3. Materiais necessários para montar uma imobiliária

Com toda a certeza você vai precisar de cartões de visitas, papel timbrado, panfletos, materiais promocionais, placas, anúncios de fachadas e etc.

Isso sem considerar os custos para investimentos em marketing digital. 

Como falamos anteriormente, você vai precisar de plataformas digitais para iniciar seus trabalhos. Tais como, site para imobiliária, sistema de gerenciamento de imóveis e clientes e contas criadas nas redes sociais.

Leitura obrigatória: Como gerenciar uma imobiliária de sucesso: 6 dicas matadoras

4. Registro na prefeitura da cidade

Além do que já falamos, você tem que se organizar para pagar algumas taxas anualmente ou mensais para registrar sua imobiliária na cidade e garantir que assim, você esteja atualizado sobre todas as taxas e requisitos governamentais para administrar uma imobiliária.

5. Corretores ‘a bordo’

Nesse caso o investimento não é tanto em dinheiro e sim em tempo. Que para quem está montando uma imobiliária é tão precioso quanto.

Se você pretende iniciar suas operações de vendas e locações com um time completo. Considere então, logo anunciar vagas, se preparar para entrevistas e treinamentos. Dessa forma, todo o funcionamento da imobiliária segue um padrão, estipulado por você.

Depois de contratar os corretores, pode ser necessário trazer ajuda administrativa ou contratar alguém para o gerenciamento de transações ou outras funções. 

Considere nesse caso a leitura adicional: Como montar uma equipe de corretores de imóveis em 5 passos

4) Como conseguir capital para montar uma imobiliária?

corretor de imóveis sem aparecer o rosto segurando um cofrinho na mão para conseguir capital para montar uma imobiliária.

Como em qualquer startup, existem várias maneiras de obter capital para seus negócios. Veja nossa lista:

1. Auto-financiado

Você mesmo pode financiar sua imobiliária através de uma poupança ou aproveitando o patrimônio da sua casa como garantia (hipoteca). 

2. Parceria

Você pode contratar um parceiro (sócio) para ajudar no financiamento da imobiliária ou nas operações diárias. Ou, obviamente, em ambas. 

Esse pode ser um ótimo modelo para cônjuges, amigos ou colegas que trabalham como uma equipe imobiliária.

3. Empréstimo para pequenas empresas

É possível também, obter um empréstimo para pequenas empresas para financiar a inicialização. Além dos bancos, procure as cooperativas de crédito, como por exemplo o Sicoob, para assim obter fontes de crédito seguras e com juros reduzidos.

4. Investidores

Nesse caso, ter amigos, familiares ou investidores privados que conhecem você e seu trabalho e estão dispostos a ajudar a financiar sua imobiliária. 

Se você trabalhou muito com investidores imobiliários, também pode conhecer financiadores privados que estariam dispostos a ajudar e fornecer um bom financiamento.

Lembrando que tudo que falamos nesse artigo é apenas o inicio, acompanhe nossas leituras complementares para auxiliar a superar os desafios emocionantes que estão por vir.

E então, você está pronto para montar uma imobiliária?

Boa sorte e boas vendas!

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Deixe uma Resposta

Works with AZEXO page builder