🕗 Tempo de leitura: 6 minutos

Com a profissão de corretor de imóveis em evidência, nada mais justo que falarmos sobre o salário do corretor.

O que poucos falam, é que existem formas eficientes de aumentar esses rendimentos e não necessariamente depender apenas da venda de um imóvel.

Dessa forma o Creci estipula alguns percentuais, que podem variar de região para região.

Para saber tudo a respeito da profissão leia também: Corretor de Imóveis de Alta Performance

Sendo assim, vamos abordar aqui o que é praticado na região Sudeste, onde atualmente encontra-se o maior número de corretores de imóveis.

Corretor de imóveis tem carteira assinada?

Carteira de trabalho junto com algumas cédulas de reais
Corretor de imóveis tem carteira assinada?

Eventualmente existem algumas imobiliárias que acham justo registrar o corretor de imóveis como colaborador da mesma. E assim, repassam um salário fixo e benefícios.

Por consequência, a carga horária pode alternar entre 40 à 45 horas semanais e o salário varia de R$ 1.050 à R$ 2.015 reais.

Entretanto esses casos são raros, de acordo com a CLT o corretor de imóveis é um profissional autônomo e por isso não há necessidade de estipular um salário fixo.

Contudo, existe na Câmara dos Deputados um projeto de lei que prevê regulamentar a profissão dentro da CLT. Dessa forma, passaria a ser obrigatório o pagamento mensal e fixo para um corretor de imóveis. O piso seria de R$ 950,00 para 40 horas semanais.

Quanto ganha um corretor na venda de um imóvel?

Corretor de imóveis entregando a chave do imóvel para um casal feliz pela aquisição.
Quanto ganha um corretor na venda de um imóvel?

De acordo com o Creci, que estipula algumas regras para o pagamento das comissões dos corretores sobre a venda de um imóvel. Pois à percentuais diferentes dependendo da localização do imóvel e origem do mesmo.

Por exemplo:

  • Para imóveis urbanos que não seja um empreendimento – Comissão de 6% (fixada)
  • Para empreendimentos urbanos – Comissão varia de 4% à 6%
  • Imóveis em área industrial – Comissão varia de 6% a 8%
  • Imóveis em área rural – Comissão varia de 6% a 10%
  • E por fim, imóveis provenientes de ação judicial – Comissão de 5% (fixada)

Entretanto se o corretor trabalha em uma imobiliária, esse percentual recebido é dividido entre a imobiliária e o corretor de imóveis.

Sendo assim, existem casos de 50/50. Mas normalmente 70% fica com a imobiliária e 30% com o corretor de imóveis.

O que parece fazer sentido, porque as imobiliárias normalmente arcam com as despesas da operação. Visto que, imobiliárias de médio e grande porte, ainda envolvem outros profissionais na venda do imóvel. Como captadores, gerentes e coordenadores.

Existe também, corretores que atuam de forma autônoma. E muitos costumam fazer uma parcerias com outros corretores e imobiliária.

50% para que tem o cliente & 50% para quem tem o imóvel

Temos aqui o famoso ” Fifty”

Nesse caso, quando a venda é concluída. O Creci determina que a comissão seja dividida por igual entre os dois. Ou seja, 50% para cada.

Locação de imóveis definitivos paga as contas

Corretora de imóveis preocupada com as contas em cima da mesa
Locação de imóveis definitivos paga as contas

Em muitos casos são os contratos de locação que pagam as despesas administrativas da imobiliária, ou do corretor. Sabia disso?

Sem dúvida, se você ainda não utiliza desse meio para ganhar mais dinheiro, está na hora de repensar sua estratégia.

Nesse caso, o corretor será responsável por intermediar a locação do imóvel e também administrar todos os meses os recebimentos.

Em síntese, não é nenhum “bicho de 7 cabeças” mas requer aperfeiçoamento, prática, organização e diretrizes claras.

Conforme as regras estabelecidas pelo Creci, você pode escolher atuar e receber de 2 formas:

Fazendo a locação do imóvel, sem administração:

Preparar a documentação completa e concluir a locação – A comissão é o primeiro aluguel integralmente.

Ou poderia além do primeiro aluguel integralmente, receber também pela administração.

Administrar o recebimento do aluguel todo mês, cuidar dos interesses de ambas as partes, repassar os valores para o locador, renovar contratos e etc. A comissão é de 10% todos os meses do valor do aluguel.

Por exemplo:

Trabalhando com locação e administrando 20 imóveis. Com um valor médio de R$ 1500 reais. Sendo assim, a comissão seria de 10%, portanto, estaria adicionando a receita mensal, um total de R$ 3.000 reais.

Esse valor poderia subsidiar investimentos em marketing, por exemplo. Assim como, gerar mais interessados, agora, na compra do imóvel. Onde apesar do ciclo maior de negociação, o valor da comissão é maior.

Existem diversos sistemas de administração de locação de imóveis que facilitariam o trabalho. Uma vez que, geram boletos automáticos, área de login para clientes, seja proprietário ou locatário.

Todo corretor de imóveis pode se tornar um perito avaliador

Corretor segurando um projeto 3d de um imóvel com detalhes da planta
Todo corretor de imóveis pode se tornar um perito avaliador

Posterior ao registro no Creci da sua região, você pode fazer o curso de perito em avaliações imobiliárias e tem acesso ao CNAI.

Decerto, quem também é avaliador, acaba por conseguir aumentar exponencialmente seu salário de corretor de imóveis.

Principalmente! Vai conseguir negociar com mais segurança a compra de um imóvel. Uma vez que, terá domínio sobre a região, valorização no mercado entre outras.

Em resumo, o perito imobiliário é pago de acordo com o trabalho que tem e mediante a entrega do laudo pericial.

Abaixo, segue uma tabela praticada com percentuais mínimos para tal serviço:

Honorário para determinação do valor do aluguel

ALUGUEL MENSAL (R$)HONORÁRIOS MÍNIMOS (%)
até R$ 2.500,00100%
até R$ 7.500,0080%
até R$ 12.500,0060%
até R$ 17.500,0050%
à partir de R$ 17.501,00Justificar de acordo com o trabalho

Honorário para determinação do valor venal do imóvel

VALOR MENSAL (R$)HONORÁRIOS MÍNIMOS (%)
até R$ 200.000,00R$ 2.000,00
até R$ 700.000,00 R$ 3.500,00
até R$ 1.200.000,00 R$ 5.500,00
até R$ 1.700.000,00 R$ 7.500,00
até R$ 2.300.000,00 R$ 9.500,00
até R$ 3.000.000,00R$ 11.500,00
até R$ 5.000.000,00R$ 17.500,00
à partir de R$ 5.000.001,00 Justificar de acordo com o trabalho

Locação de temporada dá lucro

Casa pé na areia em um lindo dia de sol com morro e mar ao fundo
Locação de temporada dá lucro

Antes de tudo, é uma excelente alternativa para aumentar o salário do corretor de imóveis em épocas sazonais. Principalmente em cidades onde há uma procura alta.

De certo modo, cidades do interior e principalmente do litoral são privilegiadas nesse aspecto. E os corretores que atuam nelas, tem possibilidades ótimas de ganhar dinheiro rapidamente.

Portanto, se você atua em cidades que atendem essa demanda, já deve ter em sua carteira de imóveis alguns disponíveis para locação de temporada.

Caso ainda não possua, aqui vão 2 dicas rápidas:

“Converse com seus clientes proprietários de locação definitiva. E mostre a alternativa lucrativa de liberar o imóvel para temporada em meses específicos do ano.”

Novamente, de acordo com o Creci. A comissão do corretor no caso da locação de temporada, é fixada em 30% do valor do pacote contratado.

Por exemplo:

“Se você aluga para temporada um imóvel disponível por 30 dias, que tenha o valor da diária de R$ 200 reais. Você receberia 30% do total. Isso seria R$ 1.800 reais em uma única vez e de um único imóvel”.

Agora, imagine que na sua cidade. Você tenha 50 imóveis disponíveis para locação de temporada, na época das festas de fim de ano. Locando para temporada a metade deles por 20 dias e com o valor de diária médio de R$ 200 reais.

Seus ganhos seriam algo como:

25 imóveis x 20 dias x R$ 200 = R$ 30 mil reais

Parando para pensar, quando as vendas não vão bem, por conta do mercado em si. Os R$ 30 mil reais citados acima, como exemplo. Seriam equivalentes a venda de 2 imóveis de R$ 250 mil reais.

Esse é um número que você pratica? Caso não, o que acha de repensar seu modelo de negócios e começar a trabalhar com locação de temporada?

Trabalhar com administração de condomínios vale a pena?

Condomínios envidraçados e imponentes vistos de baixo para cima com um céu azul ao fundo.
Trabalhar com administração de condomínios vale a pena?

Em virtude de ter um trabalho excessivo nessa área, é incomum que corretores de imóveis autônomos se arrisquem. Entretanto, para imobiliárias passa a ser uma boa forma de ter uma renda fixa.

O valor da comissão, está estipulado de 5% a 10% sobre o valor arrecadado no mês.

As funções podem variar. Porém, vamos listar algumas principais:

  • Auxiliar o síndico no exercício das atividades cotidianas
  • Orientar sob aspectos legais
  • Suporte nas atividades administrativas
  • Contabilizar receitas e despesas
  • Elaborar de folha de pagamento dos funcionários do condomínio
  • Emitir boletos de pagamento para condôminos

Em suma, você pode aplicar algumas dessas práticas e garantir uma previsibilidade no seu salário de corretor de imóveis. E até mesmo, em momentos de baixa em algum tipo de transação, você tem alternativas.

E você? Como tem trabalhado no mercado imobiliário? Diga pra gente nos comentários, quais são as maiores dificuldades em cada área?

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Deixe uma Resposta

Works with AZEXO page builder