🕗 Tempo de leitura: 7 minutos

Atualmente encontramos uma enorme fatia do mercado imobiliário que opta por uma redução drástica de custos ou até mesmo com um redirecionamento mais adequado do seu orçamento.

E por esse motivo, essa fatia acaba por optar por abrir uma imobiliária virtual.

Esse tipo de imobiliária requer menos custos de investimento inicial do que qualquer outro tipo.

Porém, você precisa ter um bom planejamento estratégico de marketing digital e estar preparado para um atendimento de ponta.

Veja também: O Guia completo passo a passo para abrir uma imobiliária

O que é uma Imobiliária Virtual

corretor de imóveis autônomo pensando em abrir uma imobiliária virtual

Em parte todas as imobiliárias são um pouco virtuais. Até porque com o avanço da tecnologia não há como existir sem uma presença digital.

No entanto, as imobiliárias que atuam exclusivamente no âmbito digital, são as consideradas imobiliárias virtuais.

Onde se concentrar quando Abrir uma Imobiliária Virtual

Para conseguir explanar melhor sobre o assunto de como abrir uma imobiliária virtual vamos focar em 4 pontos principais, que são:

  • Investimento
  • Equipe e atendimento
  • Marketing
  • Público Alvo

Vamos falar um por um, logo abaixo. Continue a leitura.

Investimento para montar uma imobiliária Virtual

Assim, como já falado, o investimento inicial é relativamente baixo.

Porque, diferentemente de uma imobiliária de fachada tradicional você não terá custos operacionais e muito menos com locação de espaços.

Porém, em outros pontos a suas preocupações de investimento devem ser semelhantes a de qualquer imobiliária.

Como por exemplo:

Site:

De maneira idêntica ao site de uma imobiliária de fachada. Uma imobiliária virtual também precisa de uma vitrine única de divulgação de imóveis, comunicação com clientes e posteriormente captação de novos contatos.

Porém, ainda mais importante do que em uma imobiliária de fachada, o site de uma imobiliária virtual precisa trazer autoridade sobre o assunto, coerência, experiência de mercado e credibilidade para o espectador.

Lembre-se você não terá a chance de apresentar esses conceitos presencialmente. Então, o site é mais do que a cara da sua empresa, é a sua cara.

Softwares para a imobiliária:

Sim, está no plural! São softwares. Um erro muito comum praticado no mercado imobiliário é achar que um corretor de imóveis (ou imobiliária) precisa apenas de 1 único software.

Na realidade há um conjunto integrado trabalhando em parceria para que a sua experiência dentro de uma empresa que forneça esses serviços seja agradável.

O primeiro é o Software de gestão de imóveis:

Através dele você terá um local seguro para cadastrar todas as suas captações, incluir as fotos, documentos dos imóveis, controle de chaves e etc.

O segundo software é CRM ou seja, Software de Relacionamento com o Cliente:

É através desse software que você será capaz de cadastrar toda sua base de clientes, seja ela composta por leads, proprietários ou clientes que já compraram.

É também através desse software que você pode gerenciar com eficácia o atendimento ao cliente, normalmente através de um kanban que é popularmente conhecido como funil de vendas ou funil de atendimento.

Lá você vai identificar cada lead que recebeu, em qual etapa do processo de compra ele está e também conseguir enxergar qual a sua previsibilidade de receita. Que é fundamental para alocar seus investimentos futuros.

E o terceiro e último é o Software de Criação de Site:

Afinal, um site imobiliário não é criado do zero. Então nesse momento você precisa avaliar se:

  • Você tem autonomia para manusear esse site?
  • Como funcionam as alterações nele? Precisa fazer solicitação ou você faz?
  • O quão parecido com a “sua cara” esse software permite que você deixe o site?

Se quiser saber mais sobre esse assunto, visite a página de softwares da Praedium.

E por aí vai. Acredito que até aqui tenha dado para entender o conceito. Vamos continuar.

Marketing:

Nós vamos falar especificamente sobre esse assunto um pouco mais abaixo. Porém aqui deixamos para relatar que você precisa sim, separar um investimento considerável para utilizar em marketing.

Até porque, é somente através dele que seus potenciais clientes vão te encontrar.

Contas básicas:

Não se engane ao pensar que pelo fato de trabalhar em casa e abrir uma imobiliária virtual você não terá nenhum custo adicional.

As contas básicas fazem parte de qualquer negócio e mesmo de casa, você precisa sim incluí-las no seu orçamento de investimento.

São elas:

  • Internet (com melhor velocidade)
  • Água (você estará mais tempo em casa é comum essa conta crescer proporcionalmente)
  • Luz (semelhante a conta de água, agora você tem um computador ligado o dia inteiro e a luz acesa)
  • Telefonia (mesmo que você opte por utilizar o telefone residencial, no caso das ligações realizadas sua conta vai aumentar. Ou contratar um plano pós pago de telefonia móvel)

Equipe e Atendimento de uma Imobiliária Virtual

Dois corretores de imóveis montando uma equipe para a imobiliária virtual

Nesse primeiro momento você não precisa de uma equipe. Se a imobiliária virtual for aberta na sua casa, e você achar que dá conta de todo o trabalho sozinho. Parabéns!

Mas, algumas vezes os corretores autônomos pensam em se unir em um tipo de parceria. O que é ótimo. Nesse caso portanto, uma imobiliária virtual pode contar com 2 pessoas.

Porém, essas duas pessoas terão que se comprometer na divisão igualitária dos trabalhos que são inerentes à uma imobiliária, como é o caso:

  • Atração de leads
  • Configuração do site
  • Configuração de campanhas de Marketing
  • Atendimento ao cliente
  • Agendamento de visitas
  • Captação de imóveis

Estruturando o Marketing de uma Imobiliária Virtual

O marketing de uma imobiliária virtual é a principal, se não exclusiva, forma de obter leads. Logo, a imobiliária deve concentrar todo seu poder de investimento em fazer marketing digital.

Entenda marketing digital por:

  • Fazer campanhas no Google Adwords
  • Utilizar a ferramenta do Facebook Ads
  • Otimizar o site imobiliário para conversões
  • Utilizar portais imobiliários pagos

Isso porque no inicio da sua abertura, o site ainda não será capaz de prover visitas e conversões sozinho.

Portanto, utilizar dessas estratégias vai permitir que você comece a montar uma base de contatos sólida. E por isso, elas devem ser prioridade em uma imobiliária virtual.

Nesse momento, atrair o máximo possível de tráfego é primordial. Pois, se ninguém conhece o seu site e a sua empresa, você terá pouquíssimas oportunidades de geração de leads e por consequência vendas.

Outro ponto para alocar o investimento são os portais imobiliários. Existem atualmente no mercado inúmeros portais de imóveis, como por exemplo:

  • Zap imóveis
  • Viva Real
  • Imóvel Web
  • OLX
  • Mercado Livre

Contudo para te ajudar nessa decisão, sugerimos que faça uma pesquisa no Google mais ou menos assim:

“Tipo de imóvel + preposição + sua cidade de atuação”

“Apartamento + em + São José do Rio Preto”

Certamente, os portais que aparecerem melhor posicionados no resultado de pesquisa, são os que valem a pena serem investidos.

Outro ponto para analisar nessa questão de portais é que você deve levar em consideração o perfil de cliente ideal da sua imobiliária virtual.

Por exemplo:

Se o seu foco será atender clientes que procuram imóvel que se enquadrem no perfil MCMV (minha casa minha vida) o mais correto é que você procure portais que permitam a inserção dessa informação para qualificar melhor seus anúncios.

Por fim, se você puder alocar recursos também em uma estratégia de inbound marketing será muito bem vindo.

Por mais que você faça campanhas de tráfego pago é importante você manter um relacionamento com o cliente que não está na fase de visita ou negociação de um imóvel.

Ao garantir que esse potencial comprador enxergue você como uma fonte segura de conhecimento e confia no seu trabalho, ele certamente irá te procurar quando entender que está no momento de compra.

Conhecendo o Público Alvo da Imobiliária Virtual

Nem todas as pessoas são compatíveis com o perfil de compradores online. Principalmente quando se trata da compra de imóveis.

Entretanto, podemos afirmar que hoje em dia pouco mais de 70% das buscas por imóveis são feitas de forma digital.

A geração atual de compradores de imóveis é extramente conhecedora de tecnologia. E eles querem as informações de forma rápida. Além, de terem tudo na ponta da língua.

Então, você precisa entender exatamente qual o perfil de compradores que está ativamente fazendo essas buscas e adaptar o seu marketing e o seu discurso para atendê-los.

Tenha em mente também que esse tipo de consumidor faz diversas pesquisas e provavelmente deixou uma solicitação de contato para mais de uma imobiliária.

Portanto, um passo indispensável para captar esse lead é se atentar ao tempo de resposta.

O tempo de resposta se trata justamente do tempo em que foi feita a solicitação pelo lead até a sua resposta.

O tempo sugerido é que isso ocorra de 5 a 10 minutos. Justamente porque é nesse pequeno intervalo de tempo que o lead está disponível e com a intenção que o fez solicitar o contato.

Estudos apontam que ao aumentar esse tempo de resposta para 1 hora por exemplo suas chances de conexão são apenas de 36%. Enquanto, o contato feito dentro dos primeiros minutos, suas chances sobem para até 400%.

Pontos positivos de abrir uma Imobiliária Virtual

Já falamos sobre algumas vantagens de optar por abrir uma imobiliária. Mas, agora, você visualizar uma lista mais completa:

  1. Custos reduzir
  2. Investimentos melhores alocados
  3. Sem custos com infraestrutura e mobília
  4. Não há custos de ponto comercial
  5. O atendimento com o cliente pode acontecer onde você estiver
  6. O Whatsapp terá grande prioridade na sua rotina
  7. As formas de contato são as mesmas utilizadas por qualquer imobiliária
  8. Você pode trabalhar de qualquer lugar com a ferramenta certa em mãos.

Pontos negativos de abrir uma Imobiliária Virtual

Mas, como nem tudo são flores. Ou melhor, nesse caso são rosas. Já que o benefício é enorme mas existem alguns espinhos.

  • Você precisa ter um perfil digital para trabalhar bem nesse âmbito
  • Sua disponibilidade de tempo para atendimento foge do convencional (precisa aproveitar todas as oportunidades)
  • Não há um espaço físico para o cliente conhecer ou marcar uma reunião
  • Suas técnicas de vendas precisam ser melhores do que a de qualquer outro corretor
  • A organização da carteira de imóveis e contatos precisa estar em dia
  • Você mais do que ninguém vai precisar de um CRM, traduzindo, um sistema de relacionamento com o cliente. Para se organizar.
  • A organização das chaves vai precisar ser na sua casa
  • E sua casa, não é mais só a sua casa. você precisa adaptar um espaço para seu trabalho.
  • Você vai precisar alugar uma sala comercial quando for assinar um contrato com o cliente.

E aí, com base no nosso conteúdo, você decidiu abrir uma imobiliária virtual ou não?

Se você pensa em abrir a sua imobiliária, comente!

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Deixe uma Resposta

Works with AZEXO page builder